Lista de autores existencialistas

Autores existenciais

Os diversos autores e pensadores existenciais se caracterizam por se questionarem sobre a existência humana e as questões existenciais como liberdade, angústia, solidão, tédio, sentido da vida, partindo sempre do ser concreto e singular, ao invés da busca por uma essência humana ou explicações naturais.

Embora divergentes em diversos pontos, todos eles de um modo ou outro escreveram sobre a existência e sobre as questões que envolvem o existir humano, partindo do próprio humano e seus sentimentos, seja na filosofia, psicologia ou literatura:


Filósofos Existenciais


  • Arthur Schopenhauer  (Polônia-Alemanha, 1788-1860)
  • Soren Kierkegaard  (Dinamarca, 1813-1855)
  • Friedrich Nietzsche  (Alemanha, 1844-1900)
  • Lev Shestov  (Ucrânia/França, 1866-1938)
  • Nikolai Berdiaev  (Ucrânia/França, 1874-1948)
  • Martin Buber  (Áustria/Israel, 1878-1965)
  • José Ortega y Gasset  (Espanha, 1883-1955)
  • Paul Tillich  (Polônia-EUA, 1886-1965)
  • Jean André Wahl  (França, 1888-1974)
  • Martin Heidegger  (Alemanha, 1889-1976)
  • Gabriel Marcel  (França, 1889-1973)
  • Nicola Abbagnano  (Itália, 1901-1990)
  • Hans Jonas  (Alemanha/EUA, 1903-1993)
  • Jean-Paul Sartre  (França, 1905-1980)
  • Maurice Merleau-Ponty  (França, 1908-1961)
  • Simone de Beauvior  (França, 1908-1986)
  • Alphonse De Waelhens  (Bélgica, 1911-1981)
  • Enzo Paci  (Itália, 1911-1976)
  • Emil Cioran  (Romênia/França, 1911-1995)
  • Paul Ricoeur  (França, 1913–2005)
  • Kostas Axelos  (Grécia/França, 1924-2010)
  • Colin Henri Wilson  (Inglaterra, 1931-2013)
  • Robert C. Solomon  (EUA, 1942-2007)


Escritores Existenciais


  • Herman Melville  (EUA, 1819-1891)
  • Fiódor Dostoiévski  (Rússia, 1821-1881)
  • Liev Tolstoi  (Rússia, 1828-1910)
  • Oscar Wilde  (Irlanda/França, 1854-1900)
  • Miguel de Unamuno  (Espanha, 1864-1936)
  • Rainer Maria Rilke  (República Checa/Suíça, 1875-1926)
  • Hermann Hesse  (Alemanha/Suíça, 1877-1962)
  • Franz Kafka  (República Checa/Áustria, 1883-1924)
  • Fernando Pessoa  (Portugal, 1888-1935)
  • Samuel Beckett  (Irlanda/França, 1906-1989)
  • Albert Camus  (Argélia/França, 1913-1960)
  • Marguerite Duras  (Vietnã/França, 1914-1996)
  • Vergílio Ferreira  (Portugal, 1916-1996)
  • Clarice Lispector  (Ucrânia/Brasil, 1920-1977)
  • Charles Bukowski  (Alemanha/EUA, 1920-1994)
  • Maria Judite de Carvalho  (Portugal, 1921-1998)
  • Jack Kerouac  (Estados Unidos, 1922-1969)
  • Paulo Leminski  (Brasil, 1944-1989)
  • Chuck Palahniuk  (Estados Unidos, 1962-)


Psicoterapeutas Existenciais


  • Ludwig Binswanger  (Suíça, 1881-1966)
  • Karl Jaspers  (Alemanha/Suíça, 1883-1969)
  • Medard Boss  (Suíça, 1903-1990)
  • Viktor Frankl  (Áustria, 1905-1997)
  • Rollo May  (EUA, 1909-1994)
  • Jan Hendrik Van Den Berg  (Países Baixos, 1914-2012)
  • James Bugental  (EUA, 1915-2008)
  • Hans W. Cohn (Alemanha, 1916-2004)
  • Gion Condrau  (Suíça, 1919-2006)
  • Martti Olavi Siirala  (Finlandia, 1922-2008)
  • Ronald Laing  (Reino Unido/França, 1927-1989)
  • Irvin D. Yalom  (Estados Unidos, 1931-)
  • Paul Wong  (China/Canada, 1937-)
  • Manuel Villegas  (Espanha, 1941-) 
  • Miguel Jarquín (México, 1950-)
  • Alfried Längle (Áustria, 1951-)
  • Emmy van Deurzen  (Países Baixos/Inglaterra, 1951-) 
  • Kirk Schneider  (EUA, 1956-)
  • Tereza Erthal  (Brasil, -)
  • Ernesto Spinelli  (Inglaterra, -)
  • Yaqui Martínes  (México, 1973-)


"O termo existencialismo designa o conjunto de tendências filosóficas que, embora divergentes entre si, têm em comum a análise da existência humana. É difícil, contudo, estabelecer o exato sentido que os diversos filósofos existencialistas atribuem a essa palavra. Entretanto, podemos dizer que o conceito de existência é tomado como algo que se refere à condição específica do homem como ser no mundo. Existir, então, implica estar em relação com outros seres humanos, com as coisas e com a Natureza. Relações múltiplas, concretas, dinâmicas; relações possíveis de acontecer ou não."
(Gilberto Cotrim)



Tecnologia do Blogger.