Filme: Um estranho no ninho


Randall McMurphy é um questionador e transgressor, que para não ser preso se finge de louco e acaba indo para um hospital psiquiátrico.

Apesar do hospital ser um local cheio de regras que "não pode fazer isso" e "não pode fazer aquilo", ele experimenta possibilidades de ir além, encontrando novos meios de se apropriar do espaço.

Ele passa então a agir contra as regras da instituição, faz amizade com os internos, se tornando uma outra possibilidade de experimentações aos internos.

O filme se desenrola nessa relação entre ele, os colegas e o espaço institucionalizado, gerando reflexões sobre o hospital psiquiátrico, o ambiente institucionalizado e possibilidades de transgressão, com uma boa comédia.

Uma obra-prima do diretor Milos Forman, e uma das melhores performances de Jack Nicholson, baseado no romance fantástico de Ken Kesey.

Um filme muito interessante para refletir sobre a questão da existência e liberdade na relação e na instituição. Segue o trailer abaixo:








Por Bruno Carrasco, psicoterapeuta existencial.
Tecnologia do Blogger.